Como usar o TikTok e por que você deveria investir neste app [GUIA DEFINITIVO]

Como usar o TikTok e por que você deveria investir neste app [GUIA DEFINITIVO]

por Katarina Nápoles • há 4 meses

Se você não ficou um ano inteiro sem acesso a Internet, é bem provável que pelo menos já tenha ouvido falar no TikTok. Com mais de 1,5 bilhão de downloads no mundo inteiro (ultrapassando o Facebook e o Instagram nesse quesito), o app de vídeos é a nova grande aposta do momento pra mídias sociais. 

Isso quer dizer que o TikTok já é a rede mais utilizada no mundo? Não, mas indica um aspecto bem mais interessante: muita gente já possui o TikTok no celular, mas não está criando conteúdo pra rede. Isso significa que o aplicativo é hoje um ambiente extremamente fértil pra que o seu conteúdo se transforme em um viral, já que a concorrência ainda é “baixa”.  

Nesse guia definitivo, te explico tudo sobre a rede do histórico até às funcionalidades — e também explico como você pode começar a criar conteúdo no aplicativo a partir de hoje! Vamos juntos?

O que é o TikTok?

Junte o feed do Instagram, as esquetes do falecido Vine, a verticalidade do Snapchat e as músicas do YouTube ou qualquer outro serviço de streaming de música. Pronto, você tem o TikTok. O aplicativo nasceu originalmente em 2014, na China, com o nome de Musical.ly (alguém aí lembra dessa febre?). O Musical.ly foi um aplicativo em que usuários — em sua grande maioria, crianças — postavam vídeos de lip sync, que nada mais é do que uma técnica de playback, em que as pessoas combinam movimentos labiais com a música de fundo.

GIF de três pessoas usando o aplicativo Musical.ly pra fazer lip sync

Em 2016, já como TikTok, a plataforma abriu bem mais o leque de conteúdos produzidos de modo que, hoje, o TikTok é uma rede social pra que pessoas postem vídeos curtos, de qualquer tipo. Boa parte deles têm até 15 segundos de duração, mas é possível criar conteúdos de até um minuto. E a variedade de temas, como você pode ver, aumentou bastante:

GIF de três pessoas usando o TikTok em vídeos diferentes

Tá, uma plataforma de vídeos curtos. O que isso traz de diferente das redes que a gente já usa todos os dias? O primeiro aspecto que a gente tem que observar é que o TikTok continuou investindo no formato vertical pra preencher toda a tela do smartphone dos usuários, coisa que o Snapchat e o Instagram já provaram dar certo –– outras redes como YouTube, Facebook e Spotify começam a engatinhar em direção a isso também.

Mas o que a empresa chinesa traz de mais inovador é a possibilidade de usar efeitos e filtros que dão um toque de mágica ao vídeo em poucos segundos e de forma autônoma, qualquer um consegue fazer. Pra isso, o TikTok dispõe de velocidades de gravação diferentes, músicas de sucesso, filtros de realidade aumentada e muito mais. Mas é claro que o sucesso fica por conta da criatividade dos usuários.

O TikTok é pra mim?

O TikTok mudou muito desde que foi criado. Na época do Musical.ly, muitas crianças de 12, 13 anos (!!!) tiveram que lidar com o sucesso que acabava de cair no próprio colo (e os pais também, consequentemente). E, sim, é verdade que muitas dessas minicelebs permaneceram no TikTok.

Mas hoje em dia o cenário já é bem diferente, com o número de adultos que usam a plataforma crescendo a cada ano. Para se ter uma ideia, segundo a Comscore, o número de adultos que usam o app saiu de 3,9 milhões em março de 2018 para 14,3 milhões em 2019. Isso significa um crescimento de mais de 300% em apenas um ano! Já imaginou como a curva desse gráfico deve continuar em 2020? 

Captura de tela de um gráfico da empresa Comscore mostrando o aumento do uso do TikTok por parte de adultos

Um fato ainda mais encorajador: muitos idosos estão fazendo buzz na rede e até já ganharam um selinho de verificação do TikTok, como forma de dar autenticidade às contas. Já pensou?

Captura de tela do perfil de três idosos no TikTok

Mas o que a minha marca vai fazer no TikTok?

Ok, já te mostrei que o TikTok não é só terra de crianças e jovens. Mas agora vem o grande motivo de estarmos tendo essa conversa: o aplicativo também pode ser um terreno absurdamente fértil pra sua marca.

Várias empresas entenderam o potencial que o TikTok tem como plataforma “nova” e estão criando conteúdo pra rede. Nessa estratégia, muitas delas já estão viralizando e reaproveitando o conteúdo no Instagram também. 

Se o futuro da internet é consumir cada vez mais vídeos, uma plataforma que seja focada apenas nisso já está saindo na frente. Então, tenha você uma loja de roupas, um site, uma marca de cosméticos, uma banda, uma confeitaria, um negócio local: o TikTok tem espaço pra você!

Prova disso é a tela de interesses que todo usuário novo na plataforma pode preencher pra receber conteúdos próximos do próprio gosto. Olha o tanto de categoria que a ferramenta disponibiliza:

Captura de tela dos perfis da guaraná antártica e da crocs no TikTok

Por que investir no TikTok?

Além de ser um aplicativo em ascensão, o TikTok tem outros benefícios que podem ajudar a tornar nosso conteúdo viral e, de quebra, fazer com que o nosso negócio se torne mais conhecido. Dá uma olhada:

Espaço ainda é pouco utilizado

Apesar de já ter mais de 500 milhões de usuários, o TikTok ainda pode ser considerado um ambiente “pouco” explorado em relação às outras redes sociais. Como disse no início desse texto, nem todo mundo que tem o aplicativo baixado está produzindo conteúdo. Outro aspecto interessante é que ainda faltam muitas marcas chegarem por lá! Empresas grandes como C&A, Riachuelo e Adidas ainda não criaram perfis no TikTok até o fechamento desse texto.

E a matemática é simples: num ambiente pouco explorado e com baixa concorrência, fica mais fácil pra gente ser reconhecido e viralizar. Quem aproveitar o momento de agora pode colher os frutos lá na frente, da mesma forma que fizeram os youtubers dos anos 10, por exemplo.

Seu conteúdo não morre em 24h

Hoje em dia, não existe planejamento de conteúdo pro Instagram que não leve os Stories em consideração. De toda forma, e apesar de ser uma ferramenta extremamente importante pro crescimento do nosso perfil, os Stories precisam capturar os usuários em, no máximo, 24h. 

Você vai dizer que os Destaques existem pra tornar nossas histórias infinitas e isso é verdade! Mas uma vez que o usuário não viu nosso story na barra inicial do feed, ele vai precisar entrar no nosso perfil ativamente pra acessar aquele conteúdo, o que definitivamente não é a mesma coisa.  

Com o TikTok, esse problema não existe, já que os vídeos publicados ficam salvos no seu perfil até que você apague manualmente. Inclusive, o algoritmo pode entregar seu conteúdo muito tempo depois de ele ter sido postado.

Conteúdo reutilizável

O TikTok tem um fator de transferência de conteúdo muito grande. Qualquer vídeo criado por lá pode ser salvo no seu celular ou compartilhado em vários apps como o Instagram, WhatsApp, Facebook, Twitter e até por QR Code! 

Então, não tenha medo de divulgar esse conteúdo em outras redes, até porque essa é uma oportunidade pra levar sua audiência consolidada do Instagram ou Facebook, por exemplo, para o TikTok. 

A cultura do #challenge, inclusive, que chegou no Instagram com as danças e maquiagens que ficam prontas em segundos, veio inicialmente do TikTok e agora já é sucesso garantido na rede de Zuckerberg.

GIF de um vídeo da influenciadora digital Kéfera fazendo um challenge no Instagram

Referência no seu nicho

Dependendo do nicho no qual você atua, é bem provável que o seu perfil seja um dos primeiros a chegar no TikTok ou até mesmo — com muita sorte — o pioneiro. Claro que pra isso você precisa entender como o seu negócio se encaixa na proposta do aplicativo, porque definitivamente não vai ser igual ao conteúdo que você cria pro Instagram ou pro Facebook. 

Mas estabelecer a sua marca como referência no nicho com o qual você trabalha é uma oportunidade que não pode ser perdida nunca. Afinal, uma vez que isso acontece, é o seu nome que as pessoas vão procurar e indicar quando pensarem em algum problema que a sua marca soluciona.

 

Como criar conteúdo pro TikTok

Apesar de ser uma mistura de várias redes que a gente já conhece, o TikTok definitivamente tem uma proposta de conteúdo diferente. De toda forma, uma vez que você entende como a plataforma funciona, fica mais fácil de pensar criativamente. O conceito mais importante aqui é o de infotenimento, que nada mais é do que a junção de informação com entretenimento.

E pro TikTok, vamos pesar ainda mais na palavra entretenimento, certo? Afinal, nesse app é possível viralizar com um conteúdo que não passe nenhuma informação, somente entretenimento, quando o contrário já não funciona tão bem.

Com isso em mente, é importante dizer: é claro que você sempre pode beber das referências criadas pro Facebook ou Instagram. Só tenha em mente que no TikTok, o entretenimento pesa muito mais. E aqui vão algumas dicas do que fazer dentro da plataforma: 

Aposte no humor

Numa passagem rápida pelo app, é possível perceber que esse é o nicho mais explorado e promissor da plataforma. Um exemplo de quem faz bem esse tipo de conteúdo vem do The Washington Post, o jornal com a maior circulação de Washington, nos Estados Unidos.

Imagine que, geralmente, conteúdos criados por jornais tendem a ser mais sisudos, até pra não atrapalhar na confiabilidade da empresa junto aos concorrentes. É importante que um jornal mantenha a pose de “sério” pra ser entendido como veículo seguro.

Bom, o The Washington Post pegou esse conceito e jogou no lixo no perfil do TikTok. E isso significa que eles acertaram muito. Porque eles entenderam que o TikTok é uma rede diferente e que precisariam adequar o editorial das postagens às características da plataforma. Sério, começa já a seguir o perfil deles por lá e você vai ver que não vai se arrepender.

GIF de um vídeo do perfil do jornal The Washington Post no TikTok

 

Aposte em efeitos visuais

Outro conteúdo que costuma fazer muito sucesso no TikTok são os vídeos com efeitos visuais que dão a impressão de que algo mágico está acontecendo. Esse é outro caminho muito bom pra seguir mas, pra isso, você vai precisar de algumas boas horas mexendo no app e olhando as produções de lá.  

GIF de um vídeo de um influenciador digital do TikTok fazendo objetos aparecerem em uma mesa de forma "mágica"

É claro que esse é um exemplo muito mais avançado de efeitos visuais. Você também pode apostar em coisas mais simples e que também tenham seu valor como, por exemplo, o  conteúdo criado pela Guaraná Antártica:

GIF de um vídeo do perfil da Guaraná Antártica no TikTok

 

Mostre quem você é de verdade

O TikTok retomou um aspecto que há muito se perdeu no Instagram: a necessidade de mostrar a nossa personalidade e o que é real nas nossas vidas. Esse ainda é um tipo de conteúdo que faz muito sucesso na rede de Zuckerberg, mas que tem sido cada vez mais escasso com a quantidade de anúncios e parcerias firmados dentro da plataforma. 

Nesse aspecto — e porque ainda não foi totalmente invadido pelas marcas — o TikTok ainda é um lugar onde a espontaneidade pode brilhar e se desenvolver. Por conta disso, não tenha medo de investir em conteúdos que fale sobre como você ou sua marca se comporta em momentos engraçados, vergonhosos ou até mesmo de fragilidade. O importante aqui é criar um ambiente em que as pessoas consigam se conectar com você porque entendam que por trás daquela marca existem pessoas iguais a ela. 

GIF de um vídeo da influenciadora digital Maísa no Tiktok

 

Bastidor, bastidor, bastidor!

Se mostrar nosso lado real é algo bom pra apostar no TikTok, quer dizer que conteúdo de bastidor também funciona muito! A ideia é simples: como funciona o seu negócio por dentro? Sua empresa tem 5 funcionários? 10, 50, 200? Dê espaço pra que eles possam aparecer e mostre um pouco da cultura do local. 

É claro, com uma música de fundo e um storytelling engraçadinho fica ainda melhor. Dá uma olhada nesse conteúdo da MTV, por exemplo: 

GIF de um vídeo do perfil da MTV no TikTok

 

Participe dos #challenges

Uma das abas mais legais do TikTok é a de descoberta. Lá dentro, muitos desafios (challenges, em inglês) são criados e esses conteúdos costumam render por semanas e semanas — e até meses! 

A cultura dos #challenges foi tão grande que os vídeos tomaram conta do Instagram. Grandes influenciadores surgiram na rede com vídeos de maquiagens absurdas que parecem mais um trabalho divertido de poucos segundos. É o caso de Luccas Luccas (@lucaslucasmakes) e de Juliana Motta (@agorasoulinda), por exemplo: 

GIF de dois vídeos de maquiagens feitos por influenciadores no Instagram

Então, sempre que estiver sem saber o que criar pro TikTok, uma boa saída é apostar em um dos #challenges que estejam bombando na aba Descobrir. Por aqui, você vai encontrar desafios de todos os tipos, envolvendo danças, enquetes e até coisas sem pé nem cabeça como foi o desafio da vassoura, que bombou muito:

GIF mostrando a aba Descobrir do TikTok com desafios da vassoura

 

Abuse das hashtags

Lembra que falei sobre como os conteúdos no TikTok podem levar semanas e até meses pra viralizarem? Pois é. A explicação pra isso está nas hashtags. Assim como pegaram no gosto dos twitteiros e dos instagrammers, no TikTok as tags também são importantíssimas pra alcançar novos públicos que ainda não te seguem. Ainda mais porque é normal que a leve um tempo pra que a gente consiga desenvolver um perfil numa rede social nova, certo?

Só pra você ter uma ideia do potencial das tags no TikTok: o primeiro conteúdo que postamos no TikTok estava com o perfil do Postgrain totalmente zerado (sem nenhum seguidor, sem que a gente estivesse seguindo ninguém e sem nenhuma divulgação do profile também). Usamos apenas três hashtags e conseguimos alcançar mais de 400 visualizações nas primeiras 24 horas do primeiro vídeo postado. Já o segundo, com sete hashtags, alcançou mais de 1000 views em 24 horas. 

Isso acontece porque, ao navegar pela aba Descobrir, as pessoas descobrem nossos vídeos pelas hashtags que aparecem para elas, segmentadas com base no gosto de cada usuário. 

Agora uma pergunta rápida: já imaginou como seria o mesmo cenário no Instagram hoje em dia? Apesar de também ter um forte apelo com as hashtags, a plataforma não consegue entregar nosso conteúdo tão bem quanto o TikTok porque a concorrência é muito grande por lá.

É por isso que você sempre deve abusar das hashtags em todos os vídeos que criar pro TikTok! E o app te ajuda com isso: basta escrever uma palavra ou parte dela na legenda e  sugestões aparecem logo abaixo, assim como no Instagram:

GIF mostrando como adicionar hashtags na legenda do TikTok

 

Economize na legenda

O TikTok já deixou claro que é uma plataforma com foco em vídeo. Uma prova disso é o espaço reservado pras legendas dos conteúdos: apenas 150 caracteres. Se a gente levar em consideração que as hashtags também são texto e portanto também ocupam esse espaço, a dica aqui é economizar no que vai falar, sempre. Aposte em textos rápidos e chamadas pra ação simples, nada mais elaborado do que isso. 

 

Faça referência ao que já foi criado

No TikTok, a máxima “nada se cria, tudo se copia” virou uma proposta de conteúdo. Isso porque a magia de muitos vídeos que fazem sucesso na rede está relacionada à repetição, em que uma pessoa tem a ideia e as outras repetem a mesma invenção com propostas diferentes. Foi o caso do #meattheconcert, que consistia em vídeos gravados com a música Someone Like You na versão ao vivo de fundo. A ideia ficou super engraçada e é claro que foi um estouro:

Em resumo: não tenha medo de copiar o coleguinha, principalmente se aquele conteúdo já foi apropriado por outras pessoas. Mas é claro que mencionar o autor da ideia não vai doer em ninguém, certo?

Como usar o TikTok: publicando seu primeiro vídeo 

Já falamos da história do TikTok, de como o app é uma rede promissora pra marcas e adultos e também já demos dicas pra você pensar criativamente sobre conteúdo na plataforma. Agora, é hora de colocar a mão na massa e aprender como publicar um vídeo na rede com as várias ferramentas disponíveis no app.

Se você já usa o Instagram há um tempo, vai perceber que, no geral, o TikTok é  ̶u̶m̶a̶ ̶c̶ó̶p̶i̶a̶ bem parecido com o aplicativo de compartilhamento de fotos e vídeos. Então, a primeira coisa que você deve fazer é organizar todo o seu perfil, com foto, nome, uma descrição (rápida e sucinta) de quem você é ou do que você faz e também conectar seu perfil às suas contas do Instagram e do YouTube. 

Pra fazer tudo isso, basta clicar no botão Editar Perfil que aparece no seu profile e adicionar as informações.

Captura de tela mostrando como editar um perfil no TikTok

Perfil organizado, é hora de publicar seu primeiro vídeo. Assim como no Instagram, pra fazer o upload, clique no ícone central de +

Captura de tela mostrando aonde clicar pra adicionar um vídeo no TikTok

A primeira coisa a se pensar na hora de criar o seu vídeo é quanto tempo ele vai durar. É possível fazer um do tamanho de um story ou escolher a opção pra filmar até 60 segundos, se sua história for mais longa. Defina isso antes de começar a gravar:

GIF mostrando como definir uma duração pro vídeo do TikTok

Agora vamos falar sobre a música do vídeo: se ela é importante ao ponto de definir um sentimento, os seus movimentos ou até mesmo os cortes que você vai fazer, essa é a hora de selecioná-la. Isso vai te ajudar a saber exatamente  em quais partes da música gravar cada take. Mas se no seu caso a música é secundária, é possível inserir um som depois, com os takes já gravados.

GIF mostrando como escolher uma trilha pro vídeo do TikTok

Antes de gravar, há ainda a opção para “embelezar” o rosto, que vai te ajudar naqueles dias que você caiu da cama pra gravar. Dá brincar com os efeitos na intensidade que quiser e, apesar da gente ficar parecendo uma boneca artificial se pesar a mão, não é que a realidade aumentada é super bem feita aqui?

GIF mostrando como usar a opção embelezar do TikTok

Também é possível melhorar a imagem do seu vídeo usando os filtros do TikTok! Se você já usou algum aplicativo pra editar fotos pro Instagram, vai perceber que o TikTok se inspirou muitos nesses apps pra criar os próprios filtros, que são lindíssimos e super chiques. Dá uma olhada:

GIF mostrando como usar os filtros do TikTok

Agora, sobre velocidades. Esse é um tópico importante pra aprender com clareza porque muitos dos efeitos mágicos que são feitos no TikTok tem a ver com a velocidade que a gente usa pra gravar cada take. Se você estiver gravando sem música, use a velocidade rápida pra acelerar o vídeo e a lenta pra retardar. 

Quando inserimos uma música, o processo muda. Ao usar a velocidade lenta, seu vídeo vai aparecer acelerado (essa é uma boa tática pra fazer lip sync, por exemplo). Já com a velocidade rápida, seu vídeo aparece em câmera lenta (ótimo pra fazer efeitos rápidos durarem mais tempo como uma jogada de cabelo, por exemplo). 

 

O “básico” é isso. Mas há ainda alguns recursos extras que você pode usar a depender da sua demanda. Por exemplo, o temporizador. Ele vai te ajudar a fazer um vídeo sem segurar o celular com as mãos. Basta definir quantos segundos quer gravar e, depois, ativar o cronômetro. O TikTok vai começar a gravar o vídeo automaticamente pra você: 

GIF mostrando como usar o temporizador no TikTok

Calma, ainda não acabou.

Nesse texto, eu quero te dar mais algumas dicas do que fazer pra entrar de vez com o seu negócio no TikTok. É por isso que a gente precisa falar sobre como criar uma Conta Pro, TikTok Insights e TikTok Ads

 

Como transformar seu perfil do TikTok em uma Conta Pro

Se você conhece a função Business do Instagram, sabe que sem ela a gente não consegue acessar as métricas e dados sobre o nosso perfil. Pois é, a Conta Pro do TikTok existe pelo mesmo motivo. 

É com ela que a gente acompanha o desempenho dos vídeos do perfil, além de informações mais detalhadas sobre os nossos seguidores. E fazer a mudança é super simples:

Clique nos três pontinhos que aparecem no canto superior direito do seu perfil no TikTok e, depois, em Gerenciar minha conta. Agora, selecione a opção Trocar para a Conta Pro:

Captura de tela mostrando como mudar para uma Conta Pro no TikTok

Clique pra Continuar e, depois, escolha uma categoria pro seu perfil. Clique em Concluído e sua Conta Pro estará criada! 

Captura de tela mostrando como acessar o TikTok Insights

Como acessar o TikTok Insights

Há duas formas de acessar as métricas de desempenho do seu perfil no TikTok. A primeira delas é pela aba de Configurações, em que você vai encontrar informações  ̶i̶d̶ê̶n̶t̶i̶c̶a̶s̶ super parecidas com as do Instagram Insights. 

Clique nos três pontinhos que aparecem no canto superior direito e selecione Análise

Captura de tela mostrando como acessar o TikTok Insights

Você também consegue rastrear métricas de um conteúdo único. Basta escolher o vídeo que quer analisar e clicar nos três pontinhos que aparecem no canto direito inferior. Depois, selecione Análise.

Captura de tela mostrando como acessar o TikTok Insights

Faça um anúncio pelo TikTok Ads

Notícia boa pra quem tem o público-alvo em peso no TikTok: em 2019, a plataforma anunciou testes com anúncios e, hoje em dia, já possui uma ferramenta especial pra Ads que marcas como Nike, Apple Music e Fenty Beauty já utilizam.  

Com o TikTok Ads, é possível criar anúncios em vários formatos que não vão poder ser pulados até que o usuário assista tudo. Apesar de parecer invasivo, a plataforma não joga anúncios pra gente a todo momento, o que acaba sendo mais palatável pra experiência como um todo. 

Para começar a anunciar, é preciso criar uma conta por este link aqui e aguardar a avaliação e posterior aprovação da equipe do TikTok. 

Capturas de tela mostrando anúncios no TikTok

 

Por hoje, é só.

A viagem foi longa, mas tenho a impressão de que valeu a pena. Se eu fosse você, começava a planejar uma estratégia pro TikTok agora mesmo. Nós, aqui do Postgrain, já fizemos nosso canal por lá. Vamos trocar uma ideia? Comenta aqui embaixo o que você acha do TikTok, se já começou a usar ou se pelo menos tentou criar vídeos pra plataforma!