Social Media: o que faz, quanto ganha e como trabalhar com redes sociais

Social Media: o que faz, quanto ganha e como trabalhar com redes sociais

por Ana Tereza Moraes

Publicado em 28 de julho de 2021

Começar esse texto dizendo que estamos cada vez mais conectados seria um clichê que todos já sabem bem e vivem na própria rotina. Por isso, aqui nesse post, a gente vai focar em como agora estamos também cada vez mais profissionalizando o uso das redes sociais.

Se você quer aprender como ser um social media capacitado, entender melhor como trabalhar com redes sociais, quanto ganha um profissional desses e quais as perspectivas de mercado, esse texto é pra você. 

Aqui você vai conferir:

O que é um social media 

Social media ou Analista de Redes Sociais é o nome que se dá ao profissional que faz a gestão das redes sociais de maneira profissional, tendo os conhecimentos técnicos e práticos que são capazes de impulsionar o crescimento de um perfil.

De modo geral, esse profissional vai ficar responsável pelas estratégias que vão ajudar uma marca ou pessoa a ter algum retorno com as redes sociais, seja começando do zero, otimizando um trabalho amador ou evoluindo o trabalho de outro profissional da área.

O que faz um social media?

As atividades específicas de um social media podem variar dependendo de quem contrata ou do que o próprio profissional tem a oferecer. Listamos aqui algumas das funções mais atribuídas na profissão de social media no mercado de trabalho:

  • Traça estratégias de comunicação nas redes sociais
  • Planeja o conteúdo
  • Cria posts (podendo ser o texto + arte ou só a arte, dependendo das suas habilidades e de com que outros profissionais o social media pode contar)
  • Posta ou agenda os conteúdos
  • Monitora interações
  • Responde DMs e comentários 
  • Analisa os insights do perfil e dos conteúdos
  • Impulsiona posts

Como é a rotina do profissional de mídias sociais

 

  • Planejar

 

O planejamento é a base do trabalho de um social media.  

Essa etapa de planejamento inclui: a definição de objetivos, especificação das estratégias para alcançá-los, organização do trabalho e das demandas, definição da abordagem, ideias de posts e criação de um cronograma de conteúdos que vai te guiar no resto do caminho na hora de colocar a mão na massa!

 

  • Criar conteúdo

 

Essa é a parte da rotina na qual o social media vai escrever legendas, roteiros, desenvolver peças ou escolher imagens, tirar fotos, gravar e editar vídeos e fazer tudo que for necessário pra dar vida aos conteúdos pensados no planejamento.

Depois que tudo estiver pronto, é hora de aprovar com o cliente. Em seguida, publicar ou agendar os conteúdos conforme o planejado e aguardar pra avaliar o avaliar o engajamento no Instagram.

 

  • Testar

 

A comunicação não é uma ciência exata. Por mais que tenham muitas pessoas vendendo fórmulas para o sucesso – e por mais que algumas práticas sejam bem efetivas –, a vida do social media é testar até descobrir o que funciona melhor pro cliente.

Leia também: 10 erros no Instagram pra você não cometer mais

 

  • Monitorar

 

Só monitorando você consegue ter uma resposta para os seus testes, e a melhor forma de fazer isso é analisando o seu público-alvo e as métricas do seu perfil à medida que você for cumprindo seu cronograma de postagens.

No Instagram, essas métricas podem ser acessadas na aba de Insights ou através de ferramentas de gerenciamento de redes sociais, como o Postgrain. O ideal é que de tempos em tempos (normalmente, todo mês) você gere relatórios pra avaliar os resultados da sua estratégia de forma mais clara.

 

  • Se atualizar

 

As redes sociais, principalmente o Instagram, estão sempre passando por mudanças, lançando atualizações, melhorias ou estabelecendo novas tendências. 

Um bom profissional precisa acompanhar diariamente essa movimentação do mercado e estar sempre atento às principais novidades que vão surgindo. E isso não se resume só a observação, ok? O estudo de um social media também deve ser constante, já que configurações, ferramentas e estratégias também vão sendo atualizadas ao longo do tempo. 

Como se tornar um social media 

Além do conhecimento prático em redes sociais e uso intensivo das plataformas pra conhecer melhor todos os seus recursos, é preciso se aprofundar também na teoria e se capacitar em princípios e fundamentos básicos da publicidade e propaganda que vão ser super importantes pro seu trabalho.

Alguns cursos que você pode procurar pra começar sua carreira de social media são:

  • Marketing digital
  • Gestão de redes sociais
  • Inbound marketing
  • Marketing de conteúdo
  • Community management
  • Ads (sobre as ferramentas de anúncios das redes sociais, como o Facebook Ads e o Instagram Ads)

Diferenciais que podem ser úteis: 

  • Produção e edição de vídeo e fotografia
  • Cursos de design e ferramentas úteis pra criação de conteúdo

Por aqui, oferecemos cursos do Postgrain Academy pra quem está começando ou quer se especializar em um nicho. Mas existem tanto opções pagas como gratuitas por aí pra você aprender, com conhecimentos de níveis básicos aos mais avançados, cursos técnicos, de graduação, pós, etc.

Em muitos casos, as próprias redes sociais oferecem um conteúdo bem rico e até certificados pra quem está começando. Busque pelos blogs de redes sociais como o Facebook, Instagram, TikTok, Twitter ou outros blogs que costumam ensinar muito sobre o assunto (como o blog do Postgrain 😉) e esteja sempre se atualizando.

Como é o mercado de trabalho para social media 

Em 2020, a profissão de Gestor(a) de redes sociais apareceu em primeiro lugar em um estudo do LinkedIn sobre profissões emergentes no Brasil, ou seja, trabalhos que estão tendo forte crescimento de demanda.

E não apenas nas grandes empresas você vai encontrar oportunidades de mercado. Os pequenos negócios e criadores de conteúdo também precisam desse trabalho de social media pra crescer nas redes sociais. Por isso, esse tipo de profissional é muito requisitado hoje em dia. 

Dependendo do volume de demanda ou do tamanho do perfil que você gerencie, dá pra trabalhar pra mais de um negócio ou ser autônomo com uma boa carteira de clientes.

Como conseguir clientes ou um emprego de social media

Além do tradicional currículo e processos seletivos que você pode buscar em sites de empresa, plataformas de vagas como Gupy e Glassdoor ou no LinkedIn, essas são as dicas de ouro pra você conseguir mais clientes ou freelas:

  • Invista no networking
  • Seja ativo nas redes sociais, principalmente no LinkedIn e na rede social que seja o seu foco de trabalho
  • Construa um bom portfólio e saiba divulgar

Leia também: 10 sites gratuitos pra criar um portfólio online de destaque

Quanto ganha um social media?

Segundo o site Glassdoor, o salário médio de um social media iniciante no Brasil é de R$ 1.930/mês, podendo chegar na faixa dos R$ 5 mil/mês pra profissionais mais experientes com cargos de Coordenador, Especialista ou Gerente.

Vale lembrar que a pergunta “quanto ganha um profissional” sempre vai ter respostas variadas, já que isso depende do cargo, da empresa, da região, se o profissional é autônomo ou contratado, de quantos clientes ele têm, entre outros tantos fatores.

O que achou das dicas?

Conta pra gente nos comentários como tem sido seu caminho e experiência como social media!